domingo, 25 de setembro de 2011

Porque um dia todo prícipe vira sapo
e não o contrário

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Poema para a perdição

Nos perdemos um pelo outro
Nus perdemos um ao outro
Nos perdemos um do outro
Nus perdemos nus outros
Nós perdemos
Nós

quinta-feira, 2 de junho de 2011

Tristeza não tem fin(eza)
Felicidade se
parte
arde

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

MI ENTRAS
*MEN TIRAS
MENTIRAS



* english

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

ela é dotada de amor e de dor, o primeiro já se foi depois daquele ardor. só restou o medo, o pavor; transformando-se na sublime crueldade, na bonita maldade, na magia da sacanagem. lagrimando por cima e lágrimas vermelhas por baixo, que manchavam
os dedos dele de vermelho, agora medo. que manchavam
o coração dela de vermelho, agora enfermo, de se entregar ao amor e ao ar.dor.

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Me doando e a mim doendo.